quarta-feira, 23 de fevereiro de 2011

Esfriando, Afastando e Desviando.

Hoje em dia parece que todo mundo está desanimado e muitos estão desistindo; algo que por mais que eu tente, eu não entendo. Não me entenda errado, tem vezes em que penso em desistir, jogar tudo pro alto e fazer a minha vida do meu jeito, mas, sempre tem algo que me segura, que não me deixa fazer isso. E isso é algo que tem me levado a pensar muito nesses dias. Infelizmente, eu não posso contar o tanto de amigos ou conhecidos meus que tem deixado Jesus e voltado para o mundo. Eu cresci na igreja, então pode crer que é muito. E pra mim, não é nada mais triste do que ver alguém que teve uma “experiência” com Jesus, virar suas costas e ir embora. Tudo isso nos coloca numa posição de perguntar, “Por quê?”. Por que tantas pessoas estão decidindo deixar a fé e caminhar aonde elas sabem que vai resultar numa eternidade no inferno? Cara, isso não faz sentido nenhum. Agora, eu acho que eu tenho encontrado a resposta do “por quê”. É porque as pessoas estão sendo “salvas” com expectativas falsas, erradas e às vezes enganosas. Por exemplo, quantas pessoas procuram Deus só porque a vida está no vaso sanitário e alguém estava para puxar a corda? Muitas pessoas vão para Jesus porque acham que Ele é um tipo de mecânico espiritual. Que Ele vai concertar todos seus problemas; casamento ruim, depressão, emprego, vida, etc. Não que Ele não pode nem vai, mas, meu amigo, a única razão certa de entregar sua vida a Jesus é por que você reconhece o seu estado diante Dele, um pecador que merece inferno. e você reconhece sua necessidade do perdão oferecido por Ele através da cruz na qual Ele morreu pra nós. Essa é única razão válida. O resto está procurando soluções temporárias para uma vida temporária e não eterna. Jesus não é um com quem nós vamos negociar. “Jesus, eu te dou a minha vida, MAS, quero que você concerte algumas coisas.” Não funciona assim. E eu tenho medo que a maioria das pessoas que “convertem” por razões erradas não agüentem e se torne mais uma estatística ruim nas igrejas. O problema óbvio começa com quem está “ganhando almas”. Nós temos muitos pastores desesperados pra ganhar almas que no seu desespero prometem coisas que nem a bíblia oferece. Não sei de quantas vezes eu tenho ouvido alguém falar, “Se você quer ser feliz e ter paz, entregue sua vida a Jesus”. O que?!? PAZ??? Meu amigo, desde a minha conversão, a minha vida se tornou um campo de batalha. Desde a hora que eu declarei a minha aliança com Deus, o inimigo tem feito planos para acabar comigo e minha “paz”. Claro que existe uma paz no meu coração, mas na minha vida há guerra. E felicidade, pode me dar um versículo suportando essa declaração? Por que ninguém evangelizando fala a verdade? “Se você quer uma vida tribulada, cheia de tentações e acusações de um inimigo que quer te matar venha a Deus.” Pois isso seria a verdade. Não que a vida com Cristo é ruim. Ao contrário, é uma maravilha e você está com alguém. A vida no mundo é ruim e você está sozinho sem uma esperança de vida eterna. É meio óbvio de qual lado é melhor. Mas, o que acontece é que muitos “aceitam” a Jesus com uma expectativa errada de uma vida mais fácil, dada por aqueles que por qualquer preço querem vender a salvação. Vamos parar com essas promoções de salvação vendendo ela barato de mais e fazendo o negócio tão fácil que até os demônios podem aproveitar. Ser salvo é fácil, pois depende do ato de um outro, mas, para ser crente e manter sua vida cristã num padrão aceitável por Deus é difícil, é trabalho; existe um preço a ser pago. Para aqueles que acham que uma oração é o começo e o fim e que a sua vida não precisa mudar; meu amigo, você está num lugar de perigo. Não tem como falar que você está com Deus sem abandonar seus pecados, sem mudar sua vida. E isso é o que nós temos praticamente vendido ao incrédulo. Cara vem para Jesus, Ele te ama do jeito que você é. Verdade. Mas, depois, Ele vai te pedir (exigir) uma mudança. Mostre-me um crente que ainda está vivendo nos seus pecados sem se importar e eu te mostro um cara enganado e indo para inferno. O preço não é barato e nunca foi. E isso é o problema. Pois quando eles descobrem que a vida cristã é difícil e vai custar algo, muitas pulam fora. E quem pode culpar eles?. Se você me promete uma praia pras minhas férias, mas, não fala da chuva o dia todo ou dos escorpiões que estão na praia, acho que eu não vou ficar lá muito tempo não. E pior, eu vou me sentir enganado por você. Só que nesse lado da igreja, é muito difícil ganhar um desviado de volta. Acho que você teria mais sorte tentando arrancar um dente de um leão com fome. Nós temos que oferecer Jesus para todos, mas Ele não é um carro usado. Ele tem valor sem medida com nada a esconder. Então, vamos ser honestos desde o princípio. Uma alma contada domingo e perdida na segunda-feira não vale nada. Vamos falar que é uma batalha brava, mas no mesmo tempo, vamos falar que é bom demais estar lutando ao lado de Deus. Você tem que lutar, você tem que continuar correndo, mas você não pode desistir nunca. Tem uma coroa te esperando no fim. E nisso, vamos falar de desistir. Primeiro, não faça isso. E nem me venha com desculpas. Já ouvir todas. A coisa mais incrível sobre evangelismo hoje em dia é a dificuldade em achar um incrédulo puro que não é desviado. Parece que todos estão desviados e todos têm uma desculpa boa. “Alguém me ofendeu.” (novidade) “O pastor...” (sempre é a culpa do pastor). “Tem muitas regras.” Blá, Blá, Blá. Quero te dar uma real. Você que está desviado ou pensando em “dar um tempo” por causa de algo ou alguém, sua desculpa de virar suas costas a Jesus e negar sua fé não vai reter água diante de Deus. Você tem que ser um cara muito ignorante pra achar que se você morrer na sua condição de afastado ou desviado Deus vai querer saber do por que ou de quem era a culpa por você desistir. A coroa não vai estar te esperando, e sim o inferno como seu galardão. Meu amigo, sua vida cristã não tem nada a ver com ninguém que não seja você ou Jesus. Sei que as pessoas têm ofendido você. Sei que tem hipócritas na igreja, sou um deles. Cara, sempre vai ter problemas ao seu redor, mas você não pode os deixar influenciar o que você tem com Deus. Ele é aquele que te salvou. Parece moda hoje em dia converter e desviar. Vamos cair fora dessa moda e ficar. O que nós temos que entender é que todas essas dificuldades são para o nosso bem. Deus traz o dia de sol tanto quanto o dia de chuva. E ele traz as benções do mesmo jeito que Ele deixa as outras coisas acontecerem. Não sei sobre você, mas eu aprendo muito mais na chuva apanhando do que em um dia cheio de sol na praia. Até nisso, pense bem, nada cresce na praia. Não caia na heresia desses pregadores de prosperidade que quer amarrar tudo o que acontece que não é “benção”. Melhor, ler sobre Jó, ou sobre os apóstolos que foram colocados nas prisões e mortos por causa da sua fé. Que pena que eles não eram mais espirituais, eles podiam simplesmente amarrar a situação e ir embora com suas vida cheias de “felicidade”. Levanta-se geração forte e corajosa e caia por terra geração frouxa, mimada e efeminada. Estamos numa guerra e tudo nem sempre vai dar do jeito que queremos. Mas ainda assim, não podemos desistir. Tem muito que Deus quer fazer através das nossas vidas e temos um galardão, uma coroa nos esperando no fim da corrida. Não desista! Lute, corra, vença! Hb 10:23-39; Guardemos firmemente a esperança da fé que professamos, pois podemos confiar que Deus cumprirá as suas promessas. Pensemos uns nos outros a fim de ajudarmos todos a terem mais amor e a fazerem o bem. Não abandonemos, como alguns estão fazendo, o costume de assistir às nossas reuniões. Pelo contrário, animemos uns aos outros e ainda mais agora que vocês vêem que o dia está chegando. Pois, se continuarmos a pecar de propósito, depois de conhecer a verdade, já não há mais sacrifício que possa tirar os nossos pecados. Pelo contrário, resta apenas o medo do que acontecerá: medo do Julgamento e do fogo violento que destruirá os que são contra Deus. Quem desobedece à lei de Moisés é condenado sem dó à morte, se for julgado culpado depois de ouvido o testemunho de duas pessoas, pelo menos. Então, o que será que vai acontecer com os que desprezam o Filho de Deus e consideram como coisa sem valor o sangue da aliança de Deus, que os purificou? E o que acontecerá com quem insulta o Espírito do Deus, que o ama? Imaginem como será pior ainda o castigo que essa pessoa vai merecer! Pois sabemos quem foi que disse: "Eu me vingarei, eu acertarei contas com eles." E quem também disse: "O Senhor julgará o seu povo." Que coisa terrível é cair nas mãos do Deus vivo! Lembrem do que aconteceu no passado. Naqueles dias, depois que a luz de Deus os iluminou, vocês sofreram muitas coisas, mas não foram vencidos na luta. Alguns foram insultados e maltratados publicamente, e em outras ocasiões vocês estavam prontos para tomar parte no sofrimento dos que foram tratados assim. Vocês participaram do sofrimento dos prisioneiros. E, quando tudo o que vocês tinham foi tirado, vocês suportaram isso com alegria porque sabiam que possuíam uma coisa muito melhor, que dura para sempre. Portanto, não percam a coragem, pois ela traz uma grande recompensa. Vocês precisam ter paciência para poder fazer a vontade de Deus e receber o que ele promete. Pois, como ele diz nas Escrituras Sagradas: "Um pouco mais de tempo, um pouco mesmo, e virá aquele que tem de vir; ele não vai demorar. E todos aqueles que eu aceito terão fé em mim e viverão. Mas, se uma pessoa voltar atrás, eu não ficarei contente com ela." Nós não somos gente que volta atrás e se perde. Pelo contrário, temos fé e somos salvos


Pr. Jeff Fromholz
Postar um comentário